terça-feira, 6 de outubro de 2009

O Verbo do SER


Eu fui...
O que me foi dado ser....
O que me foi ensinado a ser...
O que me foi exigido ser ....,
Principalmente, o que quis ser;
Eu era...
O que tinha de ser...
O que convinha ser...
O que aprendia a ser...
Acima de tudo, o que queria ser...
Agora...,eu sei que sou...
E serei?
Isso eu não sei....
Não me é dado saber...
Vai tudo depender...
Do verbo SER..

Emília Pinto

42 comentários:

  1. Que vai ser quando crescer?
    Vivem perguntando em redor. Que é ser?
    É ter um corpo, um jeito, um nome?
    Tenho os três. E sou?
    Tenho que mudar quando crescer? Usar outro nome, corpo e jeito?
    Ou a gente só principia a ser quando cresce?
    É terrível, ser? Dói? É bom? É triste?
    Ser; pronunciado tão depressa, e cabe tantas coisas?
    Repito: Ser, Ser, Ser. Er. R.
    Que vou ser quando crescer?
    Sou obrigado a? Posso escolher?
    Não dá para entender. Não vou ser.
    Vou crescer assim mesmo.
    Sem ser Esquecer.

    (Carlos Drummond de Andrade)
    Bjs

    ResponderEliminar
  2. Lindo este poema!E como diz ele« sou obrigado a? » E como digo eu « foi-me dado ser..» Não escolhemos.., nascemos e agora..., como diz a imagem « é obrigatório ser » Obrigada e um beijinho. Até breve e, Jacrée, Seja o que melhor souber ser!
    Emília

    ResponderEliminar
  3. Olá,
    Belo poema.
    Ser ou não Ser? Mo final de tudo cabe a nós escolher. O poder está em nossas mãos.
    Gosyei do blog. Estou a seguir.
    Beijos,

    ResponderEliminar
  4. Muito obrigada, António. Fico muito feliz por nos estar a seguiretambém por lhe ter agradado o nosso começar de novo. É certissimo: tudo está só nas nossas mão; somos nós que temos o poder de escolha. Até breve
    Emília

    ResponderEliminar
  5. Amiga, eu penso que somos aquilo que fazemos, as nossas acções, os nossos gestos...
    Para sabermos quem somos, para nos conhecermos bem, acho que primeiro sabemos aquilo que definitivamente não queremos ser...
    Muitas vezes sabemos quem somos pela maneira como nos relacionamos com os outros, através dos reflexos que deixamos neles... Outras conhecemo-nos através de experiências e erros anteriores...
    O mais certo é que toda a vida nos vamos conhecendo mais e mais, sempre na tentativa de sermos um pouco melhores...
    bjns

    ResponderEliminar
  6. Bom comentário, cuidandodemim; fizeram-nos ser, mas depois..., depende muito mais de nós aquilo que somos e aquilo em que pretendemos tornar-nos. É com os erros e experiências que devemos ser cada vez melhores; acho que é nossa obrigação!Um beijinho e obrigada pela visita.
    Emília

    ResponderEliminar
  7. Lindo poema Herminia.... Obrigatorio Ser
    Nascemos para ser, basta escolher o cmainho do meio, que sempre é o melhor e mais dificil segundo Buda.
    Abraços brasileiros carregadinos de escolhas para sermos sempre melhores para nós mesmos. :)

    ResponderEliminar
  8. Olá!
    Somos obrigados a Ser mas, há que dar continuidade ao ser. Há sempre a opção de existir, em vez de Ser mas, considero, na minha humilde opinião que, Ser é um caminho penoso sim, mas extremamente gratificante. Tão bom que é irmo-nos descobrindo, relacionando com os outros. Escolhas e caminhos não faltam para que possamos escolher como Ser.

    Que sejas tudo o que desejas e essencialmente feliz amiga Emilia!

    Joana

    ResponderEliminar
  9. Obrigada minhas grandes amigas; Ro e Joana. Gostei imenso do vosso comentário. Ir sempre pelo caminho do meio é de certeza o mais certo e se Buda diz, é porque é.Nesse percurso é muito bom ir formando o nosso Ser tentando fazer sempre as melhores opções e as duas escolheram muito bem como SER, pois são dois SERES maravilhosos. Para a Ro vai um beijinho carregadinho de ternura e muita força da Mila e para a joana vai um carregadinho de carinho da Emília. Até breve

    Emília

    ResponderEliminar
  10. OI Emilia
    P A R A B È N S ,pelo seu "Verbo do Ser "
    É um SER, que tudo tem , para ser um BOM SER.
    Transmtiu o que lhe foi ensinado e o que lhe foi exigido, conseguiu ser o que queria ser,por tudo isto Emilia, sei que será sempre aquilo a que eu chamo UM MARAVILHOSO SER.
    A amiga e....(colaboradora)
    Herminia

    ResponderEliminar
  11. Este comentário foi removido por um gestor do blogue.

    ResponderEliminar
  12. Nossa, Hermínia, que comentário gostoso!!!Com um SER fantástico como amiga e colaboradora, tenho a certeza que ficarei um SER muito melhor!Penso que juntas temos procurado SER mais alegres e felizes ao ajudarmo-nos mútuamente. Obrigada por tudo e especialmente por SER como é.Espero que continuemos a SER assim..., amigas e solidárias. Um beijinho e até breve.
    Emília

    ResponderEliminar
  13. Olá amigas

    Como não posso ficar eternamente sem fazer uma visitinha, estou aqui para sintam que não as esqueci. Adorei este poema,com saber e com sentir.

    Beijinhos

    Alvaro

    ResponderEliminar
  14. Obrigada, Alvaro pela visita e pelas palavras sempre carinhosas.Que bom que gostou do poema! Um beijinho e até breve.

    Emília

    ResponderEliminar
  15. Dois ppoemas bonitos, o do começar e do comentador Jacaré.
    O SER, só nós próprios podemos ser.

    ResponderEliminar
  16. Obrigada, amiga cantinhodacasa. Profunda a sua última frase« o SER só nós podemos ser» Sim senhor, só nós mesmo!Como diz Carlos Drummond « SER pronunciado tão depressa e cabe tantas coisas?» É ..., uma palavrinha pequena, mas que tem um significado tamanho do mundo.Um beijinho e que continue a ser o SER fantástico que mostra Ser.
    Emília

    ResponderEliminar
  17. Emília...
    Sua poesia esta postada...
    Linda por de mais...
    Depois volto para ler com tempo sua postagem...
    Obrigada pelo carinho!!!
    Chrys
    ;)

    ResponderEliminar
  18. ♥*´¨)♥ ♥ BOM DIA AMIGA (o)LINDA(o)!!!
    ¸.•´¸.•*... ¸.•*¨)
    *´¨) ♥

    Vive de tal forma que deixes pegadas luminosas
    no caminho percorrido, como estrelas
    apontando o rumo da felicidade
    e não deixes ninguém afastar-se de ti
    sem que leve um traço de bondade,
    ou um sinal de amor da tua vida...

    Um lindo dia para si amanhã !



    ♥*´¨)♥ ♥beijinhos
    ¸.•´¸.•*... ¸.•*¨)
    *´¨) ♥

    ResponderEliminar
  19. Obrigada, Chrys! Pode não acreditar, mas foi a primeira coisa que escrevi em poesia. Não é o meu forte. Um beijinho, amiga
    Emília

    ResponderEliminar
  20. Sempre poética, Princesa!!! Obrigada pelo carinho e que todos os dias lhe corram bem.Um beijinho
    Emília

    ResponderEliminar
  21. É dificil Ser...e ainda mais dificil, continuar a...SER!!
    Um beijo amigo. Graça

    ResponderEliminar
  22. O importante é o ÉS, Dé. O que fui interessa pouco e o que serei é uma incógnita. Gostei de te ver por cá, fofo. Beijinhos da
    Mami

    ResponderEliminar
  23. Olá Graça. É muito difícil SER de facto, principalmente quando queremos ser um SER correcto, responsável e ciente das suas obrigações . Já reparou que o próprio verbo ser é difícil? É muito irregular!!! Um beijinho e obrigada pela visita
    Emília

    ResponderEliminar
  24. Olá Querida Emília,
    É obrigatório SER e fazer acontecer.
    O que serei amanhã? Vai depender de mim, do que ambiciono, do que quero ser e serei da forma que me fizer mais feliz, mais em paz, mais tranquila e equilibrada. O meio que nos envolve também ajuda ao nosso SER, mas acima de tudo nós temos o livre arbitrio de escolhermos o que queremos SER ( e não o que os outros querem que sejamos), basta que o procuremos dentro de nós e que o façamos acontecer :)
    Lindo o teu poema minha querida. Parabéns
    Um grande beijinho e o desejo de uma noite feliz com sonhos doces
    Sheila

    ResponderEliminar
  25. Olá Sheila! Que bom ver-te por cá. Nós fomos obrigados a Ser, não escolhemos;agora temos a obrigação de sermos sempre melhores, tentando fazer sempre as escolhas mais acertadas. Somos nós os maiores responsáveis pelo nosso Ser.Um beijinho, amiga e obrigada pelo lindo comentário
    Emília

    ResponderEliminar
  26. Boa tarde

    Amigas E e H

    O Ser é por natureza um eterno insatisfeito.

    Belo poema
    Refletindo uma antítese do que é o Ser do que queremos e não queremos.
    Ser ou não ser... Eis a questão da vida.

    Bjs

    ResponderEliminar
  27. Gostei da tua frase inicial, Jacaree! Deve ser por isso que o verbo Ser é tão difícil; é muito irregular..difícil de aprender! Um beijinho e obrigada pela visita.
    Emília

    ResponderEliminar
  28. Olá Amigas

    Tem um carinho para vocês em meu blog

    "Coração Lusitano" ao cimo da barra lateral

    Beijinhos

    Alvaro

    ResponderEliminar
  29. Obrigadas, Alvaro. Pega-lo-emos para a semana. É sempre bom receber carinhos.Beijinhos
    Emília e Hermínia

    ResponderEliminar
  30. Olá amigas!

    este verbo faz pensar!!

    serei?

    Beijinhos e há mimnhos Para voces no meu cantinho!:)

    ResponderEliminar
  31. Queridas amigas
    Passei para vos desejar um exelente f-de-semana.
    Burrifos de Jacarée.

    ResponderEliminar
  32. Oi Emilila!! Lindo Poema!! Eu lembrei de um texto que escrevi a respeito do SER...
    Tenha um excelente final de semana!!! Beijos da Simone!!

    Acho tudo tão encantado nas vezes em que sou eu mesma!!!... Já briguei muito com minha natureza, agora não brigo mais. A nossa verdadeira natureza é muito delicada e é preciso muito cuidado pra não escondermos nem distorcer aquilo que mais verdadeiramente somos... Quantas vezes me machuquei tentando Ser diferente do que era só pra Ser igual ou para agradar aos outros. Quando tem muita gente sendo de um jeito igual, aí é que as pessoas acham que é Ser normal, por mais estranho que seja esse jeito, eles vão sendo, sem notar quão louco pode ser o dito "ser normal". E na hora de agir, agimos seguindo as normas do bando e não a nossa alma. Colocamos tanta coisa a nos esconder que até perdemos contato com nossa essência. Mas ela está aí o tempo todo nos chamando. Às vezes num sussurro.... numa lembrança.... numa saudade... Ser diferente é deixar livre aquele serzinho mais simples que tem dentro de nós, aquela parte que somos em essência e que nos faz bem se estamos sendo. Experimentando o gostinho de ser quem realmente somos, nunca desistimos de buscar o nosso SER.

    ResponderEliminar
  33. Simone, obrigada por este lindo texto sobre o ser. Não interessa queremos ser diferentes, se estamos a ser verdadeiramente aquilo que somos. Eu também já briguei muito com a minha natureza mas desisti; a única coisa que faço é tentar ser cada vez melhor. Gostei muito deste seu Ser. Obrigada por tê-lo partilhado connosco. Um beijinho e um bom fim de semana
    Emília

    ResponderEliminar
  34. Obrigada, Jacaree pela visita. Um bom fim de semana e que borrife muita gente com o seu carinho. Um beijinho e até breve
    Emília

    ResponderEliminar
  35. Olá amiga, justmoments. Obrigada pelos mimos; para a semana irei buscá-los. SER não é fácil, quando queremos Ser na verdadeira acepção da palavra. Um beijinho, amiga e um bom fim de semana
    Emília

    ResponderEliminar
  36. SER lhe é inerente,pode contudo,não estar.
    ................................
    Comentando o comentário
    Emilia......esta cercada de teimosos (rs)
    Gente da melhor espécie,mas como somos teimosos .Meu Deus ! (rindo)
    Sou de 20 de janeiro,ultimo dia de capricornio.
    Adorei que observou.......gosto de gente q lê alem das palavras e tem olhos de sentir o implícito.

    Você me parece ser assim

    meu gostar
    De

    ResponderEliminar
  37. Somos de fcto assim..teimosos mas autênticos. Sou observadora, sim...leio nas entrelinhas e me considero perita em conhecer as pessoas por dentro. Obrigada, Denise pelo comentário e pela simpática visita.Um bom fim de semana e um montão de beijos
    Emília

    ResponderEliminar
  38. ´´´´´´´´´´´¢7´´´´´´´´´´´¶¶¶¶´´´´´´7$´´´´´´´´
    ´´´´´´´´´´1¶¶ø¶¶¶¶¶´´´´´¶¶1´¶´´´´´¶¶¶´´´´´´´´
    ´´´´´´´´´¶¶¢´7´´7¶¶¶´´´¶¶¶´¶1´´´¶¶o´´´´´´´´´´
    ´´´´´´´´¶¶¶´´´´´´¶¶¶´´1¶¶´´¶´´´´´´´´´´´´´´´´´
    ´´´´´´´¶¶¶´´´´´´´¶¶¶´´¶¶ø´¶´´ø¶¶¶¶¶¶¶´´´´´´´´
    ´´´´´´o¶¶¶´´´´´´´¶¶¶´´¶¶o¶´´o¶¶´´´¶¶¢´´´´´´´´
    ´´´´´´¶¶¶7´´´´´´´¶¶7´ø¶¶ø´´7¶¶7´´ø¶¶´´´´´´´´´
    ´´´´´´ø¶¶$´´´´´´7¶¶´´¶¶$´´´¶¶¶´´´¶¶¶´´´´´´´´´
    ´´´´´´7¶¶¶´´´´´1¶¶´´´¶¶¶´´´¶¶¶´´¶¶¶ø´´¶1´´´´´
    ´´´´´´´¶¶¶¶71o¶¶ø´´´´7¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶´¶¶¶¶¶1´
    ´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´
    Um passarinho me contou que não existe um dia especial
    para sentir uma emoção gostosa.
    Mas tem dias que ela é sentida muito mais intensamente.
    E hoje é o meu dia de lhe dar "aquele" olá especial.
    Um olá luminoso e cheio de esperança para viver...

    Obrigado pela visita sempre com grande carinho
    Bom domingo
    Beijos

    ResponderEliminar
  39. Olá Princeas, De facto não existe dia especial para visitarmos os amigos e dizermos um olá simpático; sabe sempre muito bem. Obrigada e que tenha uma boa noite e um optimo Domingo
    Emília

    ResponderEliminar
  40. OI AMIGAS,

    EU FUI, EU SOU E SEMPRE SEREI EXATAMENTE O QUIZ SER! As vezes deixei de lado o que foi me ensinado, o que foi me deixado e o que foi me exigido, para simplismente ser o que queria ser...

    Lindo texto amigas. Parabens

    Um otimo final de semana....

    Bjs
    Andresa

    ResponderEliminar
  41. Obrigada, Andresa.Às vezes temos que ser aquilo que não queremos; a sociedade assim o exige, mas não é bom, não nos sentimos bem; temos que ser o mais autênticos possível, principalmente no essencial; aqui não pode haver imposturice temos que SER nó mesmos. Um beijinho e obrigada pela visita
    Emília

    ResponderEliminar