quarta-feira, 25 de janeiro de 2012

TENTE!





Veja!
Não diga que a canção
Está perdida
Tenha fé em Deus
Tenha fé na vida
Tente outra vez!...


Beba! (Beba!)
Pois a água viva
Ainda tá na fonte
(Tente outra vez!)
Você tem dois pés
Para cruzar a ponte

Nada acabou!
Não! Não! Não!...

Oh! Oh! Oh! Oh!
Tente!
Levante sua mão sedenta
E recomece a andar
Não pense

Que a cabeça agüenta
Se você parar
Não! Não! Não!
Não! Não! Não!...

Há uma voz que canta
Uma voz que dança
Uma voz que gira
(Gira!)
Bailando no ar
Uh! Uh! Uh!...

Queira! (Queira!)
Basta ser sincero

E desejar profundo
Você será capaz
De sacudir o mundo
Vai!
Tente outra vez!
Humrum!...

Tente! (Tente!)
E não diga
Que a vitória está perdida
Se é de batalhas
Que se vive a vida
Han!
Tente outra vez!...

Raúl Seixas



"Você será capaz
De sacudir o mundo" É só querer! Tente! SE preciso for...TENTE OUTRA VEZ.


Um beijinho

Emília Pinto

50 comentários:

  1. Querida Emília

    Esta canção é um incentivo, um empurrão para não pararmos e continuarmos a fazer o nosso caminho e 'sacudir o mundo'. Persistindo na procura de um mundo melhor todos nós sairemos a ganhar. A fé e a esperança em nós mesmos e num poder maior serão, na verdade, os nossos suportes.

    Beijinhos

    Olinda

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Por precisarmos muito de um " incentivo", de um " empurrão para andarmos para a frente, para não desistirmos perante tantas dificuldades nestes tempos conturbados é que me lembrei desta música. Embora já não esteja entre nós, continuo a gostar muito das músicas do Raúl Seixas. As suas letras trazem-nos sempre mensagens interessantes. Muito obrigada, Olinda e espero que continues sempre com a esperança e a força necessárias para seguires em frente. Um beijinho
      Emília

      Eliminar
  2. Se todos desistissemos à primeira , ou segunda, ou mesmo à terceira vez, seríamos todos um nada, e o mundo não andavam.
    É de batalhas que se vive a vida, sim, na saúde, na doença, até que as forças desistam de nós.

    Beijinho

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É verdade, cantinho, se não tivessemos a força suficiente para prosseguir, apesar das adversidades, estaríamos mortos antes de morrer. A vida tem obstáculos que tem que ser ultrapassados e por isso não adianta reclamar. O jeito é tentarmos as vezes que forem necessárias para conseguirmos algumas mudanças, principalmente nas consciências. Um beijinho e muito obrigada pela visita.
      Emília

      Eliminar
  3. Oi Emilia!
    Vamos ver se venho para ficar.
    este post, vem ao meu encontro, com todas as forças, tento superar e quando acordo ao meio da noite, interrogando, vêm-me aquela esperança ,que sempre me acomnpanha, aparecem batalhas constantes ,mal uma acaba outra bate à porta, vou superando,não é fácil, mas tenho sempre aquela esperança, que o dia vai chegar e tudo mudará.Claro como ele diz "tente"tente" e assim faço..cara de riso de dia e choro de noite.
    Bem chega de lamechas, todos passamos por este desencontros, vivemos o dia de hoje, o de ontem nunca mais voltará, e o da amanhã será a eterna dúvida, a ansiedade mata, por isso sensibilizar para uma vida melhor que se traduz na AJUDA.
    Amiga, continuo `espera.....
    Até breve
    Herminia

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É o que esta música, ou melhor, esta letra nos quer transmitir, Hermínia... força e esperança para superarmos os " pontapés " que a vida às vezes nos dá. Todos os dias deve haver da nossa parte uma tentativa para que sigamos na expectativa de que amanhã será melhor. Se hoje não conseguimos, não podemos desistir; amanhã é outro dia e há que tentar de novo. Não adianta reclamar, pois a vida não se compadece; só nós podemos melhorar o nosso estado de espírito,diminuir a nossa ansiedade, afastar o pessimismo. Eu sei que não é fácil; é muito, muito difícil, mas...tentemos e tentemos, as vezes que forem necessárias.
      Um beijinho, amiga e...veja lá se dorme bem; vou ver se faço o mesmo. Até amanhã e obrigada pelo comentário.
      Emília

      Eliminar
  4. Emília,
    A vida em si é feita de batalhas,grandes ou pequenas e isso vai depender do ponto de vista de cada um.Amo as letras do grande Raul, e você não sei bem por qual motivo traz sempre algo com o qual muito me identifico.Abro um parênteses e te conto algo que está acontecendo aqui...Fran está por perder o seu 1º dentinho de leite e tem se lamentado por isto.Sabemos que incomoda,mas tanto o pai,eu e o dentista(fomos fazer um controle) dissemos de modo diverso,mas o mesmo que Raul´"...de batalhas
    Que se vive a vida ..."!E quantos desafios precisamos enfrentar não é amiga?!
    Abraço emocionado a você!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Esta coincidência de nos identificarmos com os mesmos assuntos quer dizer que ambas somos pessoas sensíveis e que não nos fechamos aos problemas da vida. Ela, todos os dias, nos traz batalhas que precisamos vencer e começam bem cedo, como prova essa perda do primeiro dentinho do seu filho. Todos nós temos obstáculos a vencer e há que tentar e tentar até conseguirmos. A vida não é fácil, mas tem que ser vivida da melhor maneira possível. Um beijinho, Bergilde e obrigada pelo carinho.
      Emília

      Eliminar
  5. Aê Mami... Raul Seixas... Gostei! Vê também a "Maluco beleza". Vais gostar, já que trata de sair do marasmo da normalidade. Beijos! Dé

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Dé! Então gostaste de ouvir o Raúl Seixas? Sabia que ias gostar. Vou anotar a tua " Dica" até porque me deu vontade de recordar essa música. Obrigada, fofo, pela visita. Um beijinho
      Mami

      Eliminar
  6. Olá Emília


    Temos o dever de lutar pelos mais fracos e oprimidos. Vamos lutar por um mundo sem maldade, injustiças, desigualdades. Vamos lutar por um mundo com amor, paz, alegria, solidariedade, união.

    É fácil dizer, mas não custa tentar.

    A união faz a força!

    Bjs.

    Lisa

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tens razão, Lisa, é fácil dizer, mas temos que tentar. às vezes pensamos que em nada podemos contribuir para a mudança, mas estamos enganados. As nossas acções e atitudes, por mais insignificantes que nos pareçam, tem sempre influência na sociedade, por isso, não as menosprezemos...comecemos sim a valorizá-las. Um beijinho e muito obrigada pela visita. Sê feliz, nem que para isso tenhas de tentar todos os dias.
      Emília

      Eliminar
  7. Vcs são demais! Como eu gosto deos seus posts! E obrigada pelo carinho no meu canto,
    Com carinho,

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Que bom que é ouvir palavras destas, Sonica!!! Muito obrigada pelo carinho. Soube tão bem!!! Beijinhos e um bom fim de semana
      Emília

      Eliminar
  8. "Tente outra vez..."é uma boa tentativa para se
    Tentar...sempre vale a pena tentar
    Tentar seja o que for, desde que não prejudique terceiros
    A nossa tentativa começa logo a nascença, por vezes dá certo, outras vezes não. É das tentativas que construimos um MUNDO melhor, é das tentativas que crescemos e nos tornamos mais HUMANOS. A vida é construida como um PUZZLE,...cada peça tem o seu devido lugar.
    Tentar aprender mais, tentar fazer melhor...Tentar amar mais, Tantar ser bondoso... tentar a nossa sorte...tentar percorrer o nosso percurso de vida. Os nossos riscos,...não é possível aprender pelos erros dos outros, temos que aprender por nosso mérito.Temos que errar,errar...outro dia, mas jamais desestir. Recomeçar,...novas tentativas... vamos aprender a cresce...com as quedas... quantos mais tentativas mais probabilidades temos de acertar.Vamos tentar...
    Emília não tive adeptos para concluir o ABC...
    Obrigada pelo contributo e amizade.
    Deixo Bjs doces para as duas.
    Bom f. semana.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Estás a ver, Jacaree, até para construir um ABC é preciso tentar. Eu bem que tentei, mas não consegui mais...Paciência. Inventa outro e aí tentamos de novo! Que achas? Achei interessante a brincadeira.
      A vida é assim mesmo! Todos os dias há um novo começo...se houve erros, há que tentar não os repetir. Sempre a tentar que a cada dia sejamos cidadãos melhores em todos os aspectos. Um beijinho e obrigada pela visita e pelo comentário. Um bom fim de semana, amigo
      Emília

      Eliminar
  9. Queridas amigas
    É linda, esta canção de Raul Seixas, e cheia de vigor e fé!
    Transmite ânimo quando se está por baixo...
    Lembro-me de uma frase muito antiga: "Tu podes, assim tu queiras".
    É preciso querer, mas com força e fé.

    Muito obrigada às duas pelo vosso apoio lá na minha «CASA».
    Não vou chamar o técnico porque o meu filho zangava-se... ele é "expert" em computadores (programação e análises de sistemas), mas em blogs nem gosta de ouvir falar :))) Diz que são a maior praga da actualidade! Tenho a impressão que diz isso só para me arreliar :). A verdade é que já me tem ajudao muitas vezes, mas diz que, neste caso, só eles (Blogger/Google) é que podem reslver o problema.
    Vou aguardar mais alguns dias, a ver no que dá...

    Bom fim de semana. Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois é Mariazita, quem me ajuda também é o meu filho, mas ele gosta que eu tenha o blog; de vez em quando até aparece a comentar, como foi o caso desta música. Muitas vezes até me indica assuntos para o blog. O seu filho está certo, pois em alguns casos é assim mesmo como ele diz, mas, felizmente nós temos sorte, Mariazita; seguimos e somos seguidas por blogs maravilhosos que só nos enriquecem; por isso continuemos, amiga!
      Na realidade esta música é cheia de força e fé e até mesmo a interpretação do Raúl Seixas é forte. Gosto muito dele, ou melhor gostava, pois já se foi. Muito obrigada, amiga, pela visita e espero sinceramente que o problema se resolva, pois o seu blog é um dos que fazem muita falte. Tenha um bom fim de semana. Um beijinho
      Emília

      Eliminar
  10. Querida amiga

    Amo esta música.

    Nos momentos tristes,
    ela é um bálsamo...

    Nos momentos bons,
    ela é um compromisso...


    Que a chama da alegria
    esteja sempre acesa em ti.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É de facto assim, Aluísio, uma música que nos anima a seguir em frente e que, ao mesmo tempo nos lembra que temos um compromisso com a vida, o compromisso de tentar sempre fazer o nosso melhor por ela. Um beijinho e obrigada pela visita. Tenha um bom fim de semana e que os seus dias tenham muitos momentos felizes, sempre com muita força.
      Emília

      Eliminar
  11. Respostas
    1. Apesar de gostar muito das músicas de Raúl Seixas, desde que voltei do Brasil, fiquei um pouco afastada delas, no entanto, algo me alertou para ela, fui procurá-la e gostei muito, principalmente pela mensagem que transmite, mensagem de forla e de coragem para enfrentarmos os desafios da vida. Precisamos tantas vezes dessa força!!! Um beijinho, Lisette e obrigada pelo carinho da visita. Um bom fim de semana!
      Emília

      Eliminar
  12. Esta é a maneira mais sensata de estar a vida.
    Nunca cruzar os braços nem fechar os olhos.
    É sempre tempo de levantar as mãos, sorrir, acreditar e caminhar.

    Obrigado pelo comentário em lidacoelho.
    Afinal cada uma faz a sua história.
    A Gracinda amou e foi amada, mas ela era esperta e quando teve a oportunidade aproveitou-a.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tens razão, Luis e afinal foi isso que fez a Gracinda da tua história, não é verdade? Tentou, arriscou e não perdeu a oportunidade que a vida lhe deu. Um beijinho e obrigada pela visita. Espero que tenhas uma bela semana.
      Emília

      Eliminar
  13. Olá Emília!
    Pois...se é de batalhas que se vive a vida, então venha mais uma para não baixarmos os braços e dizer que ainda estamos aqui para lutar para que o mundo de amanhã seja mais florido e apetecível para os nossos netos , os nossos jovens .Deixemos-lhes pelo menos um legado que não nos envergonhe.
    Baixar os braços, é matar o tempo sem o viver na plenitude.`É ficar ausente na presença de injustiças ou ausências de valores.
    Para os que têm já mais sabedoria da vida, ensinemos como se utrapassam os obstáculos.Será que querem aprender? Pelos menos tentamos!
    Um belo domingo, amiga(s)
    E grande abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É isso, amiga, é nossa obrigação ensinar os mais novos a ultrapassarem os obstáculos. Tenho consciência que me esforcei e ainda esforço para que aprendam que na vida há flores, mas algumas tem espinhos que é preciso saber evitá-los e ultrapassá-los, mas que mesmo assim não deixam de ser belas. Não sei se aprenderam, mas continuo a tentar. Não podemos baixar os braços e é com o nosso exemplo que a lição dá maiores resultados. Infelizmente, há pessoas com uma grande experiência de vida que se esquecem disso e às vezes tem atitudes piores do que as dos mais novos. Um belo Domingo para a Manuela também e que os seus dias tenham muitos momento felizes, sempre com muita força. Obrigada pelo comentário e palavras carinhosas. Um beijinho e até breve. Visitá-la-ei com certeza.
      Emília

      Eliminar
  14. Querida Emilia ,

    é isso . . . tentar sempre ...
    Desanimar jamais , ainda que estejamos a passar por um período pouco animador .
    Sinto obrigação disso , quando penso nos que estão mal , mesmo muito . E por eles , essa força tem que vir de todos os lados .

    Um beijo ,

    Maria

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Nestes tempos conturbados onde só se fala de crise temos de pensar naqueles que realmente estão mal e contribuirmos de alguma forma. Podemos pensar que somos uma gota no oceano e que por isso não fazemos diferença, mas, se pensarmos todos assim, ninguém faz nada. Uma gotinha aqui, outra acolá e no fim veem-se os resultados. Todos somos membros de uma sociedade e por isso responsáveis por tudo o que nela se passa. Há por isso que ter força e coragem e não baixar os braços. Tentar...tentar e tentar. Muito obrigada, Maria, pela presença carinhosa aqui no começar de novo, contribuindo para debate de assuntos que a todos preocupam. Um beijinho e espero que tenha uma excelente semana
      Emília

      Eliminar
  15. vou tentando sempre...

    beijos e poesia,esta hoje é mesmo para mim...

    Lareira



    Lareira acesa...
    Lareira quente...
    Vermelha muito vermelha...
    Cheia de cores...
    Que aquecem...
    E me deixam encostar...
    O meu rosto ao teu...
    E dizer-te baixinho...
    Fica aqui...
    E deixa-me ficar...
    Sempre assim!...

    LILI LARANJO

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É isso, Lili...tentar sempre; os dias são frios, os corações frios estão, mas há que acreditar que o calor chegará. Tenta-se pelo menos. Muito obrigada, Lili, pela visita, e por ter deixado aqui a sua lareira acesa; aquece o nosso cantinho. Um beijinho, amiga e espero que o sol entre nos seus dias.
      Emília

      Eliminar
  16. Emília e Hermínia, a ditadura aqui bem que tentou calar a boca de Raul Seixas.
    Não conseguiu. E a mensagem dessa canção ainda é viva e eficaz.
    Ele por exemplo, tentou e conseguiu até onde pôde.
    Muitas vezes, nos vêm uma sobrecarga de tantos problemas originados na família, no trabalho e no próprio meio onde vivemos, que há momentos em que temos vontade em desistir de tudo.
    Mas a vida continua a nos colocar na rota e na direção das alternativas e soluções quando a situação está crítica.
    Não é fácil. Mas dizem por aqui que a vida só vale a pena ser vivida ou tem graça, com os desafios. Então, vamos tentando, pois também dizem que água mole em pedra dura, bate tanto até que fura.
    Um abraço a vocês, um beijo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ainda bem que há certas vozes que ninguém consegue calar e a do Raúl foi uma dessas. Deixou-se ir por motivos que só ele sabe, mas deixou-nos as suas músicas com mensagens muito importantes. Dizem que a vida só tem graça com desafios, com problemas, com sofrimento; é certo que tudo isto nos faz crescer, mas às vezes bem que queríamos que ela fosse mais doce. Mas...não mandamos nela e temos de receber o que nos dá da melhor maneira que soubermos e pudermos. Muito obrigada, António, pela visita e pelo interessante comentário. Fica bem e que os teus dias sejam
      tranquilos e sem grandes problemas já que os pequenos são mais fáceis de resolver. Um beijinho
      Emília

      Eliminar
  17. Minha querida amiga Emília!

    Tentar de novo é como recomeçar e isso faz parte intrínseca da vida.

    Não estagnar em águas impolutas e andar em frente, procurando sempre a luz é imperativo.

    Boa semana
    Beijo grande

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É imperativo mesmo, Ná! Andar para a frente sem cruzar os braços apesar das dificuldades. Não é fácil muitas vezes e todos temos consciência disso, mas...tentemos...tentemos...e tentemos sempre; a cada dia há um Começar de Novo. Um beijinho, amiga e obrigada pela visita. Fica bem e aproveita estas tardes de sol, pois ajudam muito. Até breve!
      Emília

      Eliminar
  18. Obrigado pelo comentário o qual admirei e acarinhei.
    Bonito este poema de Raúl Seixas. Ao atravessarmos a ponte precisamos acreditar que ela chegará ao fim, mas se pararmos nunca saberemos.
    Acredito que no dia que conseguirmos substituir a palavra "problemas" pela palavra "desafios", a nossa postura na vida será outra.
    Abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito obrigada, Rita, pelas palavras carinhosas. Cada problema deve ser encarado como um desafio que temos de vencer; se a vida o colocou perante nós, não temos outra saída senão resolvê-lo. Compete a cada um de nós saber a melhor maneira do o fazer. Isto, claro às vezes é difícil, muito até, mas, como diz a letra da música, há que tentar SEMPRE! Volte sempre aqui, pois gosto muito das suas opiniões. Ver-me-a também nos seu cantinho com toda a certeza. Tenha uma excelente semana, amiga! Um beijinho
      Emília

      Eliminar
  19. lá, desculpe invadir seu espaço assim sem avisar. Meu nome é Fabrício e cheguei até vc através do Blog O Árabe. Bom, tanta ousadia minha é para convidar vc pra seguir meu blog Narroterapia. Sabe como é, né? Quem escreve precisa de outro alguém do outro lado. Além disso, sinceramente gostei do seu comentário e do comentário de outras pessoas. Estou me aprimorando, e com os comentários sinceros posso me nortear melhor. Divulgar não é tb nenhuma heresia, haja vista que no meio literário isso faz diferença na distribuição de um livro. Muitos autores divulgam seu trabalho até na televisão. Escrever é possível, divulgar é preciso! (rs) Dei uma linda no seu texto, vou continuar passando por aqui...rs

    Narroterapia:

    Uma terapia pra quem gosta de escrever. Assim é a narroterapia. São narrativas de fatos e sentimentos. Palavras sem nome, tímidas, nunca saíram de dentro, sempre morreram na garganta. Palavras com almas de puta que pelo menos enrubescem como as prostitutas de Doistoéviski, certamente um alívio para o pensamento, o mais arisco dos animais.

    Espero que vc aceite meu convite e siga meu blog, será um prazer ver seu rosto ali.

    Abraços

    http://narroterapia.blogspot.com/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Fabrício. Deve haver confusão ou então foi a minha colaboradora, dona também deste blog, a Hermínia, que visitou o blog O Arabe, pois eu não o conheço. Mas isso não interessa. O que importa é que nos visitou e eu farei o mesmo com todo o gosto. Concordo com você...quando temos um blog, precisamos de seguidores, pois se não tivermos quem nos leia e quem comente perdemos o interesse. É isso que sinto e sempre que visito um não saio de lá sem deixar as minhas palavras. Muito obrigada pelo interesse e espero vê-lo por aqui sempre. Um beijinho e até já.
      Emília

      Eliminar
  20. Respostas
    1. Fica bem, amigo! Não tens nada a agradecer. Foi um gosto. Até breve
      Emília

      Eliminar
  21. Tentar sempre, é a ordem do dia. Só assim alcançaremos nossas metas. Meu beijo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Jota Effe, como vai? obrigada por ter aparecido aqui no Começar de Novo. Espero que goste e que volte mais vezes. Claro que nunca devemos desistir dos nossos objectivos e, se as dificuldades aparecem temos de tentar sempre até conseguirmos vencê-las. Um beijinho e até breve
      Emília

      Eliminar
  22. Boa tarde amiga,
    Venho lhe desejar uma linda semana coberta de muita paz e amor!
    Sua presença é muito importante em meu cantinho, por esta razão veio lhe agradecer o seu carinho de sua amável visita sempre.
    Assim que poder acesse o link
    http://www.mariaalicecerqueira.com/2012/01/degustacao-do-livro-vida-nossa-de-cada.html
    e leia a degustação do meu próximo livro! Vida nossa de cada dia!
    Obrigada de todo o coração!
    Abraço amigo
    Maria Alice

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Alice. Muito obrigada pelo seu carinho. Irei com certeza visitá-la e tomar conhecimento do seu novo livro que, desejo, faça muito sucesso. Você merece! Um beijinho e fique bem, amiga. Até breve
      Emília

      Eliminar
  23. Este comentário foi removido por um administrador do blogue.

    ResponderEliminar
  24. É isso aí, o que não podemos é nunca desistir de nossos sonhos. Se não acertar da primeira, da segunda, da terceira! Não desista, tente outra vez, por que não! Bjs

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Que bom vê-lo por cá, J. Araújo! Não podemos baixar os braças, pois a vida é cheia de desafios, portanto, se a quisermos viver temos que tentar vencer os obstáculo, um a um com força e coragem, acreditando que somos capazes de tudo. Um beijinho e volte sempre!
      Emília

      Eliminar
  25. É linda a mensagem dessa canção! faz-me lembrar a outra que diz "começar de novo vai valer a pena"...
    Bjs

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É verdade, Lilás, a mensagem é precisamente a mesma; vale a pena começar de novo...vale a pena tentar pois conseguiremos superar os desafios da vida. Gostei da comparação. Por isso gosto tanto destas duas músicas. Que bom que gostou, Lilás! Muito obrigada pelo carinho. É sempre bom tê-la cá. Um grande beijo e até breve.
      Emília

      Eliminar