domingo, 4 de abril de 2010

PÁSCOA






Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.


Easter Greetings (1912), de Boris Kustodiev, mostra a celebração tradicional da Páscoa na Rússia.A Páscoa (do hebraico Pessach, significando passagem através do grego Πάσχα) é um evento religioso cristão, normalmente considerado pelas igrejas ligadas a esta corrente religiosa como a maior e a mais importante festa da Cristandade. Na Páscoa os cristãos celebram a Ressurreição de Jesus Cristo depois da sua morte por crucificação (ver Sexta-Feira Santa) que teria ocorrido nesta época do ano em 30 ou 33 da Era Comum. O termo pode referir-se também ao período do ano canônico que dura cerca de dois meses, desde o domingo de Páscoa até ao Pentecostes.

Os eventos da Páscoa teriam ocorrido durante o Pessach, data em que os judeus comemoram a libertação e fuga de seu povo escravizado no Egito.

A palavra Páscoa advém, exatamente do nome em hebraico da festa judaica à qual a Páscoa cristã está intimamente ligada, não só pelo sentido simbólico de “passagem”, comum às celebrações pagãs (passagem do inverno para a primavera) e judaicas (da escravatura no Egito para a liberdade na Terra prometida), mas também pela posição da Páscoa no calendário, segundo os cálculos que se indicam a seguir.

A última ceia partilhada por Jesus Cristo e seus discípulos é narrada nos Evangelhos e é considerada, geralmente, um “sêder do pesach” – a refeição ritual que acompanha a festividade judaica, se nos ativermos à cronologia proposta pelos Evangelhos sinópticos. O Evangelho de João propõe uma cronologia distinta, ao situar a morte de Cristo por altura da hecatombe dos cordeiros do Pessach. Assim, a última ceia teria ocorrido um pouco antes desta mesma festividade.

Os termos "Easter" (Ishtar) e "Ostern" (em inglês e alemão, respectivamente) parecem não ter qualquer relação etimológica com o Pessach (Páscoa). As hipóteses mais aceitas relacionam os termos com Eostremonat, nome de um antigo mês germânico, ou de Eostre, uma deusa germânica relacionada com a primavera que era homenageada todos os anos, no mês de Eostremonat, de acordo com o Venerável Beda, historiador inglês do século VII.


CONTINUAÇÃO DE UMA BOA PÁSCOA
Herminia

7 comentários:

  1. Hermínia querida,

    Bem interessante seu texto, conhecer melhor as coisas que nos cercam nunca é demais. Quando a gente compreende o sentido de determinada data, a comemora com muito mais legitimidade.

    Falei com a Emília novamente! Pena que não será possível ir ao encontro dela desta vez...

    Vocês duas são ótimas, viu? Que bom que encontrei vocês!

    Uma Páscoa doce e feliz pra todos daí!

    Mil beijocas!

    ResponderEliminar
  2. Oi Hermínia. interessantes as informações sobre a celebração da Páscoa; Espero que tenha tido um Domingo feliz. O meu foi, embora com um pouco de nostalgia, pois tinha uma parte da família e faltava uma outra bastante importante. Nunca se pode ter tudo, não é? Um beijinho e até breve
    Emília

    ResponderEliminar
  3. OI Tânia!
    Pena que não possa estar com a Emilia, ja que está aí aproveitava todo o tempo, nesse encontro esperado.
    Obrigado por ter vindo, e espero que tivesse passado um bom domingo de Páscoa!
    Até breve
    Herminia

    ResponderEliminar
  4. Oi Emilia!
    Não sei este é o segundo comentário, de vez enquando, parece que me perco.
    Aproveite o tempo estar com os seus pais e restante familia, e o tempo também, por aqui como o costume, bem com chuvinha e frio, hoje fomos agraciados com um dia de Sol ,como estavamos em familia nem à rua fui.
    Tudo de bom Emilia.
    Até breve
    Beijos Atlanticos.
    Herminia

    ResponderEliminar
  5. Que interessante encontrar tudo resumido aqui. Bem legal. Um abraço, amore!

    ResponderEliminar
  6. Olá minhas amigas cá estou de novo, perdoem a ausência prolongada mas está tudo bem. Bjos

    ResponderEliminar
  7. oI kOTTA !
    SEMPRE BEM VINDA,TUDO DE BOM PARA SI.
    aTÉ BREVE
    hERMINIA

    ResponderEliminar