terça-feira, 18 de janeiro de 2011

BELA DEFINIÇÃO DE....



....SER VOLUNTÁRIO É:
" É regar todos os dias seres para conseguirem ter a capacidade de semearem brincadeiras e florirem sorrisos. É tornar radiantes os dias de chuva e colorir momentos marcantes.

Ser voluntário é ser uma torrada quente que salta todos os dias numa linda manhã para alimentar quem mais necessita. É fantasiar um mundo feliz e alegre para evitar medos e receios e criar felicidade. É mostrar que voar, pular, brincar e ajudar é importante.

É partilhar um coração com vários coraçõezinhos, é despertar o bom que há em nós e nos outros, é ajudar e ser ajudado, é estar presente, é dedicar e aprender. Ser voluntário é ser responsável, interessado e corajoso, é ter sentimentos, é demonstrar que se pode ter valor e ser um diamante nos bolsos dos outros, é ser bondoso sem receber nada em troca, é ter um coração GIGANTE, é sentir-se útil.

Ser voluntário é ter alguém com quem falar e ajudar, é uma maneira de relativizar os próprios problemas e dar atenção a outros mais graves. É tentar dar o dia de amanhã, ontem ou hoje.

Ser esta fantástica pessoa é mostrar que quem espera sempre alcança e que nesse dia irá estar presente sem perder a esperança, sonhando com o final feliz que todos esperam a cada segundo que passa

Seja voluntário e ajude quem precise!

Há tantas pessoas a precisar da sua ajuda, junte-se a nós e ajude. Ajude com um simples gesto carinhoso todos os dias e tornar-se-á uma pessoa ainda mais feliz e útil.

Lembre-se que hoje é você a ajudar mas amanhã poderá ser você a precisar de ajuda!"


Joana Beites


in Outros caminhos



Nada na nossas vidas deve ser desperdiçado! O que nos sobra deve ser doado...o tempo que temos a mais...os sorrisos que abundam no nosso rosto...a alegria que transborda no nosso coração...o optimismo com que vivemos o nosso dia . Não jogue nada para o lixo! Distribua por aqueles que necessitam tanto destes pequenos gestos

Adorei esta definição!
Neste Ano Europeu do Voluntariado, não podia deixar de falar deste assunto aqui no Começar de Novo.


Emília Pinto

59 comentários:

  1. Também eu adorei este texto, lindo!
    Bjns

    ResponderEliminar
  2. Herminia Lopes e Emilia Pinto18 de janeiro de 2011 às 12:38

    Oi Emilia!
    Gostei, do texto.
    É mesmo ser voluntario é dar alguma coisa de nós, basta a nossa presença, num dia menos bom.
    Pois ontem mesmo fui-me inscrever no serviço do voluntariado, uma hora ou duas por semana é uma gota no oceano ,onde tanta gente precisa.
    Gosto de dar mimo aos pequeninos, tem as suas razões, pode ser que me chamem ,pois alem de outros trabalhos no voluntariado ,foi o que mais frisei :AS CRIANÇAS".
    Até breve
    Herminia

    ResponderEliminar
  3. É lindo mesmo, cuidandodemim e define o voluntariado de uma maneira que me agrada, pois é isso o que penso sobre este acto de amor. Um beijinho e obrigada pela visita
    Emília

    ResponderEliminar
  4. Que bom que conseguiu insvrever-se Hermínia! Devemos distribuir o que nos sobra, principalmente o carinho, pois este, muitas vezes, faz mais falta do que os bens materiais.Um beijinho
    Emília

    ResponderEliminar
  5. «"Ser voluntário é ser uma torrada quente que salta todos os dias »
    Esta frase está um doce.
    Vou procurar aqui em Braga onde me increver. Já algum tempo, e vendo a miséria que passa nas televisões, tinha pensado.
    Mas só ao fim-de-semana.
    Acho que sim todos devemos ter um acto solidário, nem que seja apenas uma lágrima, um sorriso, um olá, a quem necessita. Aliás, a partilha deve ser a palavra. Porque quem é voluntário, partilha.
    Beijinho

    ResponderEliminar
  6. Oi cantinho! Como sabe bem uma torrada quente!!!Tanta gente que não tem sequer um pão seco! Um sorriso, uma palavra carinhosa, um simples olhar doce, são pequenos gestos que não custam nada e que, para quem não os tem, fazem verdadeiros milagres. Um beijinho e obrigada pela visita
    Emília

    ResponderEliminar
  7. Cada um faz aquilo que pode...
    Beijo Lisette.

    ResponderEliminar
  8. Uma maravilha Emília: Acho que vou colocar lá na Escola (nuns cartazes que estamos a fazer), pode ser?
    E depois, estou vendo a saltitar, aqui mesmo, inúmeras "torradas quentes" para alegrar quem mais precisa. Uma alegria para todos nós. Abraço grande

    ResponderEliminar
  9. Querida amiga

    Ser voluntário,
    é sentir o amor
    em um de seus estados
    mais puros de vida.

    Que sempre haja tempo para os sonhos
    em tua vida.

    ResponderEliminar
  10. Olá

    Ser voluntário é ser o Sol que alegra e aquece os dias de quem mais necessita...

    Beijos.

    Elisa

    ResponderEliminar
  11. Cada um fazendo o que pode e dando o seu melhor está de certeza a prestar um bom seviço à sociedade e esse é o seu caso, Ong Alerta, pois chama a atenção para os graves problemas de trânsito que matam muita gente em todo o mundo. Está a prestar um grande serviço de voluntariado. Um beijinho e obrigada pelo carinho.
    Emília

    ResponderEliminar
  12. Claro que pode, optimismo em construção! A Autora deste lindo texto vai ficar com toda a certeza muito feliz. As torradas quentes são um acalanto para quem, às vezes, nem pão tem. Um beijinho e muito obrigada pela visita. Apareçam sempre!
    Emília

    ResponderEliminar
  13. Obrigada, Aluísio por mais uma linda definição de Ser Voluntário. Se temos amor em nossos corações devemos reparti-lo por quem não recebe nenhum. Obrigada pelo carinhoso comentário. Um beijo
    Emília

    ResponderEliminar
  14. Ser sol que aquece os dias de quem precisa, Mona Lisa, não custa nada! É só ter boa vontade! Um beijinho e...fique bem!
    Emília

    ResponderEliminar
  15. Olá amigas!

    Que belissimo texto. O ser voluntário não custa nada, antes pelo contrário, ajuda a aquecer corações e aquece igualmente quem com gosto partilha um pouco de sim!

    Amanha lá vou eu mais uma vez fazer a minha quota parte : )

    Beijinho grande para as duas

    Joana

    ResponderEliminar
  16. Já há muito desconfiava que fazias voluntariado e agora tive a confirmação. Só tenho que te dar os parabéns pela tua atitude e tenho a certeza que é com muita dedicação que fazes esse trabalho. Sei também que te sentes recompensada por esse carinho que dás aos outros. Um dia espero fazer o mesmo, pois é uma coisa que não me sai da cabeça. Muito obrigada pelo carinho da visita e pelo testemunho. Que sejas sempre muito feliz, Joana. Um beijinho
    Emília

    ResponderEliminar
  17. Oi meninas
    Adorei o texto. Ser voluntário é doar-se e doação é Divino. Aquece o coração de quem se doa e alma do que precisa.
    Ser voluntário é servir incondicionalmente.

    Bjs no coração!

    Nilce

    ResponderEliminar
  18. Penso, Nilce que ser voluntário faz tanto bem a quem se doa como a quem recebe essa dádiva.Por isso que resolvi inscrever-me e doar aquilo que me sobra. Chega a uma altura da vida em que o tempo corre mais devagar e os dias parecem ter mais que 24h, por isso há que aproveitar essa vantagem ajudando quem precisa. Um beijinho e obrigada pela visita. É sempre bom vê-la por cá.
    Emília

    ResponderEliminar
  19. Querida Emília,

    Gostei muitíssimo do texto e ele nunca foi tão atual e oportuno, principalmente quando pensa nas mazelas que semelhantes, irmãos nossos estão passando. Quando vejo e penso na tragédia que ocorreu no Rio de Janeiro me emociono com o sofrimnto daquela gente mas também com os numerosos atos de solidadriedade e doação. A palavra no mpmento é DOAR seja um pouco do nosso tempo, um bocadinho de afeto, um pouco de nós.
    Beijos

    ResponderEliminar
  20. Tenho uma ligação muito profunda com o Brasil, Yanne, pois aí nasceram os meus filhos e aí fui muito feliz durante 14 anos. Doi-me toda essa desgraça no Rio. É nestas horas que mais nos sentimos chamadas a ajudar e, felizmente, que nestes casos o ser humano mostra o que de mais belo tem que é a solidariedade; pena que não seja assim todos os dias! Por outro lado, penso que estamos a melhorar nesse aspecto; cada vez mais vemos jovens e adultos a compartilhar com os que precisam aquilo que lhes sobra, sejam bens materiais, sejam os afectivos.É tempo de agir e, se cada um fizer um pouquinho, de certeza que construiremos um mundo cada vez melhor. Um beijinho e muito obrigada pelo carinho da visita; fez um simples comentário, mas deu uma grande colaboração para o intuito deste post que é incentivar as pessoas para o voluntariado. Apareça sempre!
    Emília

    ResponderEliminar
  21. Fui criada por uma mãe que sempre esteve ligada a movimentos sociais de voluntariado. Achava estranho quando perguntávamos a ela o que ela queria ganhar de presente de Natal, aniversário ou dia das mães e ela respondia:
    - Pode me dar dinheiro que eu vou ajudar aos pobres!
    Ela compreendia que nada lhe faltava e apesar de não ser rica alguém necessitava mais. e até hoje, com mais de setenta anos ela dedica horas semanis ao voluntariado.

    ResponderEliminar
  22. Mas que lindo testemunho, Anabela! Dividir quando se tem muito é fácil, mas repartir quando se tem só o suficiente é uma enorme generosidade. Pessoas assim são exemplos a seguir e são os tais heróis deconhecidos que nos fazem acreditar no ser humano. Obrigada, Anabela, por esta colaboração. Com este exemplo está a contribuir para a razão deste post: chamar pessoas a darem um pouco de si mesmas aos outros. Um grande beijinho
    Emília

    ResponderEliminar
  23. O Texto é excelente!
    Ser VOLUNTÁRIO é uma dádiva sem preço... quando mais se dá mais se recebe.

    Bjs

    ResponderEliminar
  24. Olá!
    Gostei daqui e agora te acompanho!
    Beijos meus

    ResponderEliminar
  25. Obrigada, Jacarée pela presença! É muito bom tê-lo por aqui! É mesmo uma dádiva pois é muito gratificante voltar para casa com a consciência de que se fez alguma coisa por aqueles que precisam, muitas vezes só de uma palavrinha de consolo. Um beijinho e até breve!
    Emília

    ResponderEliminar
  26. Fico sempre muito contente quando alguém entra neste nosso cantinho, Priscilla. Espero que voltes mais vezes, pois serás recebida com todo o carinho. Vou já retribuir a visita. Um beijinho e até já.
    Emília

    ResponderEliminar
  27. Um texto que a mim me diz muito porque faço voluntariado junto de crianças e jovens.
    Venho "espatifada" para casa fisicamente mas..no coração, há sinos a repicar de alegria.
    Sábado é o dia mais feliz da semana e acredita que recebo mais do que aquilo que dou.
    Beijos
    Graça

    ResponderEliminar
  28. Emilia



    Obrigada Pelos Parabéns


    Dia de aniversário para mim é um dia diferente e dia muito feliz
    e com amigos assim ainda melhor

    um beijo e ...POESIA

    ResponderEliminar
  29. Acredito, Graça, que volte com o coração cheio de alegria. É uma benção para nós termos oportunidade de fazer algo pelos outros e não é preciso procurar muito, pois não faltam pessoas a precisarem, nem que seja só de umas palavrinhas de conforto. Obrigada pelo testemunho e sabe...foi muito bom fazer este post, pois vejo que há muita gente boa que dispõe do que tem para doar aos outros. Obrigada pela visita. Um beijinho
    Emília

    ResponderEliminar
  30. Dia do nosso aniversário deve ,sim, ser especial; afinal, ele nos lembra que um dia viemos para a felicidade de alguém que nos ensinou e que nos deu tudo para que pudessemos caminhar felizes e seguros até hoje; devemos portanto comemorá-lo com alegria junto dos que nos querem bem. Se possivel, fazer dele e de todos os outros dias uma verdadeira poesia. Beijinhos, Africa em Poesia e muito obrigada pela visita
    Emília

    ResponderEliminar
  31. Olá meninas, estou devendo tantas visitas. Mas esse texto é bárbaro. Ja fui voluntária em muitos segmentos. O olhar que se ganha a cada dia trabalhado como voluntária é um elo a mais em nossa vida.
    Parabéns pelo texto! Saudades
    @braços @pertados Brasileiros :)

    ResponderEliminar
  32. Que bom vê-la por cá, Rosário. Além de ter trabalhado como voluntária, criou agora o Bendizer, dando assim oportunidades a outros para que realizem estas acções tão importantes para nós e para os outros. A Rosário é um exemplo..é um daqueles tantos heróis desconhecidos que, apesar dos problemas que teem, apesar das bordoadas que a vida lhes dá, ainda teem força e carinho para pensarem no bem estar dos que mais precisam. É graças a pessoas como a Ro, que finalmente me decidi e resolvi doar aos outros um pouco do meu tempo, do meu carinho, da minha experiência. No próximo dia 25 farei uma formação para ser voluntária e espero logo depois começar essa actividade. Tenho a certeza que a maior beneficiada serei eu. Um beijinho, amiga e muito obrigada por tudo o que me tem ensinado com o seu exemplo de vida.
    Mila

    ResponderEliminar
  33. não viver só para si, ter em si o coração sempre aberto a todos que precisam

    ResponderEliminar
  34. È sim, Ediney! Devemos viver sempre de coração aberto, pois só assim poderemos escutar e enxergar o que se passa ao nosso redor. Um beijinho e um bom fim de semana. Obrigada pela visita
    Emília

    ResponderEliminar
  35. Minha Querida
    Cheguei agora...desde as 8h da manhã!
    Passei para vos desejar bom domingo e achei graça que o vosso blog se apropie ao momento de amnhã: "Começar de novo". Não é o que vamos fazer?
    Beijos~Graça

    ResponderEliminar
  36. Hoje de manhã pensei en si,Graça, precisamente por ser o dia de que mais gosta. Espero brevemente também chegar a casa assim, feliz como a Graça. Sabe porque escolhi este título para o blog e por que gosto tanto desta música? Porque a vida é um constante começar de Novo. E amanhã lá estamos nós a Começar de Novo mais um novo dia. Bom Domingo e obrigada por ter voltado cá com mais este incentivo ao voluntariado. Beijinhos
    Emília

    ResponderEliminar
  37. Olá, amiga Hermínia!

    Estive aqui, amei seu blog...tornei-me seguidora, e quando fui comentar, fiquei sem meu servidor por umas horas!
    Mas adorei que vc veio me ver, pois assim eu não a perco de vista!
    Muito grata.

    Um abraço afetuoso,
    Graça Lacerda

    ResponderEliminar
  38. P.S.

    Um abraço à Emília também...

    ResponderEliminar
  39. Que bom que veio, Graça. Quem a foi visitar fui eu, a Emília, mas não importa, pois o Começar de novo é das duas, meu e da Hermínia e pt tanto faz dirigir-se a uma ou a outra; o que interessa é que não nos perca de vista e que apareça sempre. Muito obrigada pelo carinho. Um beijinho e tenha um belo Domingo
    Emília

    ResponderEliminar
  40. Oi Emília que lindo texto! Ser solidário limpa a alma e salva vidas.
    Parabéns pelo post. Um ótimo retinho de sábado e um excelente domingo bjs no coração.

    ResponderEliminar
  41. Fico muito contente que tenha gostado do texto, Veronica. Ser voluntário é uma benção que a vida nos oferece; devemos aproveitá-la, pois os maiores abençoados seremos nós. Muito obrigada pelo carinho e tenha um bom Domingo. Volte sempre!
    Emília

    ResponderEliminar
  42. Muito bom! Como sempre, o bom gosto e o bom senso notam-se.
    Espero que esteja tudo bem.
    Um beijinho, Emília

    Romicas

    ResponderEliminar
  43. Amiga Emília!

    Agradeço-lhe cada palavra deixada lá em casa.
    Por ser muito tarde e estar exausta, não leio hoje o texto.
    Volto.
    Deixo beijinhos

    ResponderEliminar
  44. O interessante é q o circulo que se cria na ação de estar voluntario em alguma ação é incrivel e agente recebe muito mais do q oferece.

    Sempre

    saudades sua
    afagos carinhosos
    De

    ResponderEliminar
  45. oiiii

    Seja bem vinda aos meus cantinhos.

    Feliz em te ter por lá.

    Beijos e um lindo dia.

    ResponderEliminar
  46. Olá Romicas. Muito obrigada pelo carinho. É sempre muito gratificante sabermos que gostam do que oferecemos cá em casa. Volte sempre! Um beijinho e uma boa semana.
    Emília

    ResponderEliminar
  47. Gosto muito do que ofereces aos amigos lá na casadorau, por isso, ter-me-ás sempre lá. Um beijinho e muito obrigada pelo carinho da visita
    Emília

    ResponderEliminar
  48. Espero muito em breve experimentar essa sensação gostosa, Denise. Tenho a certeza que vai ser muito gratificante. Muito bom tê-la por cá. Volte sempre e muito obrigada por tanto carinho. Beijinhos
    Emília

    ResponderEliminar
  49. Ter-me-ás mais vezes lá em casa, Fernanda, pois gostei do teu cantinho. Muito obrigada pela visita e...Fica bem! Um beijinho e até breve
    Emília

    ResponderEliminar
  50. Amigas,

    O voluntariado é uma missão de suprema importância e preenche , com carinho quem recebe bem como quem se entrega.

    Estou inscrita aguardo que me chamem.

    Beijos doces
    Margarida

    ResponderEliminar
  51. Emília, querida
    Desculpe deve ter havido algum erro meu na hora de puplicar o comentário. Geralmente não deixo de publicar nenhum. Mas ainda engatinho por aqui. Quando criei o blog pensava só em contar a minha história para os meus velhos pais que não tiveram o prazer de acompanhar a minha vida de perto. Daí começou essa rede maravilhosa, mas eu não estava preparada e ainda cometo erros graves.

    Muito obrigada pelo o toque, são pessoas assim como vc, que eu preciso ter na vida. Agora de adicionei para ter ter mais perto dos olhos e do coração.vVc me conquistou com esse comentário.
    Muito obrigada!

    Beijos

    Iram

    ResponderEliminar
  52. Gosto muito de a ver por aqui, Miguxa.Está como eu, então, à espera de ordens para experimentarmos essa sensação que de certeza será muito gratificante. Um beijinho e obrigada por estar sempre presente.
    Emília

    ResponderEliminar
  53. Não se preocupe, Iram. Erros acontecem, principalmente com quem está a dar os primeiros passos neste assunto de blogs que é também o meu caso. Muito obrigada pelo carinho e pela visita. Qualquer dia receberá de novo a minha visita. Um beijinho, amiga e...fique bem!
    Emília

    ResponderEliminar
  54. MARAVILHOSO SEU BLOG! SUCESSO E MUITA PAZ...BJS VISITE: WWW.INSTITUTOEUQUEROPAZ.BLOGSPOT.COM

    ResponderEliminar
  55. Muito obrigada, Alexandre pela visita. Irei consultar o blog com certeza. Um beijinho e apareça sempre!
    Emília

    ResponderEliminar
  56. Olá
    Não sei se a Emília é a mesma da Âncora. Porque eu ainda passei por lá algumas vezes. Sou a Tuka Meirelles, lembra-se?
    Amiga da Teresinha Monteiro.
    Se não for a mesma Emília, deixo o meu agrado igualmente pelo que li neste blog!
    Volto cá depois.
    Ando a ver se me saio bem com a feitura dum blog mais o meu filho.
    Deixo um beijo e felicidades
    Tuka

    ResponderEliminar
  57. Olá Tuka. Não sou a mesma Emília, pois não conheço o Ancora e penso que também não conheço a Teresinha Monteiro. De qualquer modo, fico contente que tenha aparecido por aqui e que tenha gostado. Espero que consiga construir o blog, pois vai ver como é bom ter um cantinho onde expomos as nossas ideias; é uma troca de experiências maravilhosa. Um beijinho e apareça sempre
    Emília

    ResponderEliminar
  58. Obrigada, Lisette pela visita sempre tão carinhosa. Gostei muito deste texto e fico feliz que tenha gostado também. Um beijinho e que tudo lhe corra bem.
    Emília

    ResponderEliminar